Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

AfroReggae fecha portas no Alemão: 'É real', diz coordenador José Junior

Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

Convidad


Convidado

A sede do AfroReggae e a pousada da ONG, ambas na rua Joaquim de Queiroz, na Grota, no Conjunto de Favelas do Alemão, que amanheceram fechadas neste sábado (20) não serão mais reabertas, conforme adiantou o coordenador do grupo ao G1: "É real", limitou-se a dizer José Junior. Às 16h, na sede da ONG, será realizada uma entrevista coletiva para esclarecer os motivos da paralisação das atividades.
saiba mais
'Foi uma ação planejada', diz líder do AfroReggae sobre fogo em pousada
Pousada do AfroReggae e redação de jornal são incendiados no Alemão
Polícia acredita que incêndio ao AfroReggae foi criminoso
Há menos de uma semana, a pousada do AfroReggae e a redação do jornal "Voz da Comunidade" — veículo que ficou famoso por informar em tempo real o dia a dia da ocupação — foram incendiadas. Uma pessoa foi presa e outro acusado será ouvido pelo delegado Reginaldo Guilherme da 22ª DP. Há suspeitas de que o incêndio tenha sido criminoso.
"Foi uma ação orquestrada, planejada, feita por gente de fora do Alemão e que tem a ver com as denúncias que venho fazendo sobre determinadas pessoas. Desde fevereiro acontecem coisas estranhas com o pessoal do AfroReggae. É integrante assassinado, tiros na Corrida da Paz e agora esse incêndio. Não posso afirmar com 100% de certeza porque não tenho provas materiais, mas tenho 20 anos de trabalho em favela, com pessoas que saíram do tráfico e sei que vandalismo não existe. Na favela, as coisas acontecem porque alguém manda", desabafou José Júnior, coordenador do grupo AfroReggae, ao chegar à 22ª DP (Penha), na ocasião.

Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum